Em setembro, a UNICEF confirmou que pelo menos 4,5 milhões de crianças foram arrancadas de cinco países vizinhos, devido a conflitos e instabilidade (Afeganistão, Somália, Sudão do Sul, Sudão e Síria), e que mais de meio milhão de pessoas tenham atravessado o Mediterrâneo para a Europa desde o início de 2015, sendo que as  crianças que compõem um quinto da população migrante.

O conflito armado na Síria irá completar cinco anos em 2016. As maiores vítimas, como em todas as guerras, são as crianças, que têm suas vidas marcadas pela destruição, mortes e desenlace familiar em razão da guerra.

Tendo em vista chamar a atenção às milhares de crianças refugiadas por causa da guerra na Síria, a UNICEF apresenta uma animação sobre a história de uma criança de 7 anos que segue em fuga da Síria pelo mar mediterrâneo. passando por tempestades e pelo temor da morte prematura. O filme, baseado em fatos reais,  chama-se “Malak and the Boat” e tem duração de aproximadamente dois minutos.  Ao final é revelada a criança que deu vida à animação.

A animação faz parte da uma série “Unfairy Tales”, criada por uma agência americana, a 180LA e
produzida pela House of Colors. O objetivo do projeto é produzir animações baseadas em histórias reais
de crianças sírias, como Malak. O filme contou com uma equipe de múltiplas nacionalidades, dentre
eles dez brasileiros. O próximo filme da série será ” Ivine and Pillow”, previsto para março.