Internet como espaço público; cultura de fronteiras; o poder, a política e o feminino. Esses serão alguns dos temas debatidos em diversas mesas e rodas de conversa que ocorrerem ao longo desta quarta-feira (9), terceiro dia do Emergências. O evento, promovido pelo Ministério da Cultura, busca debater o papel da cultura e sua dimensão simbólica nas disputas sociais, políticas e econômicas.

Nesta quarta-feira, o público poderá participar de pelo menos sete mesas de debates, cinco percursos e mais de seis oficinas. A expectativa dos organizadores é que só as mesas reúnam cerca de 400 interessados. Já as mais de 10 rodas de conversas previstas devem contar com a presença de, em média, 50 a 80 pessoas cada.

Outro ponto de destaque da programação são os percursos culturais. Um deles ocorrerá em Jacarepaguá, com previsão de encontro de povos de Terreiro no quilombo Camorim, feira agroecológica e de artesanato, roda de capoeira, debates sobre racismo e intolerância religiosa e apresentações artísticas.  Outros percursos – como o do Complexo da Maré e Bangu – também ocorrerão, nesta quarta.

Confira neste link a programação completa desta quarta-feira.

Fonte: Ministério da Cultura