O Presidente da Ancine, Manoel Rangel, anunciou ontem (5) um investimento de R$ 35 milhões para o audiovisual brasileiro, com  recursos  do Fundo Setorial do Audiovisual (FSA).  Na divulgação foram apresentados o resultado final da Chamada Pública Prodecine 01/2014, do Programa Brasil de Todas as Telas, e uma nova rodada de investimentos de quatro chamadas públicas.

Pelo Prodecine 01/2014 (aporte na produção de longas-metragens), o Programa Brasil de Todas as Telas investirá em 21 longas-metragens com destinação inicial para as salas de exibição.

As inscrições para a nova chamada pública iniciam-se no dia 10 de novembro ( terça-feira) . Serão oferecidos recursos para a produção de longa-metragens, seguindo a previsão do Programa Brasil de Todas as Telas, onde o Prodecine 01/2015 vai disponibilizar R$ 40 milhões para aporte na produção de filmes de ficção, animação e documentário com destinação inicial para as salas de exibição. O resultado final está previsto para maio de 2016.