Eventos nos Estados Unidos, Japão, México, França e Argentina receberão filmes e projetos com apoio da Agência

Até o final de outubro dez filmes brasileiros contarão com o auxílio do Programa de Apoio à Participação de Filmes Brasileiros em Festivais Internacionais e de Projetos de Obras Audiovisuais Brasileiras em Laboratórios e Workshops Internacionais da ANCINE para participarem de seis festivais de cinema nos Estados Unidos, Japão, França, México e Argentina. O programa, parte integrante da política da Agência para a promoção do cinema nacional no mercado exterior, concede apoios diversos a filmes oficialmente selecionados para 90 eventos internacionais e a projetos participantes de 31 laboratórios e workshops.

A cidade de Chicago, nos Estados Unidos sedia dois festivais em outubro. O Festival Internacional de Cinema de Chicago acontece do dia 15 ao dia 29 e selecionou diversas obras brasileiras para a programação desta que é a sua 51ª edição. A ANCINE está apoiando a ida da produtora Mariana Ferraz ao evento, onde irá representar o longa “Órfãos do Eldorado”, de Guilherme Coelho, que disputa o prêmio na Competição de Novos Diretores. A Competição Principal do evento conta com dois filmes brasileiros: “Boi Neon”, de Gabriel Mascaro; e “Paulina”, coprodução com a Argentina e a França, dirigida por Santiago Mitre. Espalhados em outras seções não competitivas estão ainda “Para minha amada morta”, de Aly Muritiba; “Ausência”, de Chico Teixeira; “Aspirantes”, de Ives Rosenfeld; e “Obra”, de Gregório Graziosi.

Ainda em Chicago, a partir do dia 23 de outubro, é realizado o Festival Internacional de Cinema Infantil de Chicago. Seguem para o evento apoiados pelo Programa da ANCINE o longa “O menino no espelho”, de Guilherme Fiuza; e o curta “O mistério do mangue”, com direção de Lara Belov e do coletivo de crianças do Projeto Cinema e Sal, selecionado para a mostra Child Produced.

Realizado na Cidade do México, o festival DOCsDF, especializado em documentários, chega em 2015 a sua décima edição. Três filmes brasileiros estão na Competição Nossa América: “Ato, atalho e vento”, de Marcelo Masagão; “Carregador 1118”, de Eduardo Consonni e Rodrigo T. Marques; e “Campo de jogo”, de Eryk Rocha. A ANCINE está apoiando a ida dos diretores Marcelo Masagão e Rodrigo T. Marques ao evento, assim como a da diretora Maíra Buhler, que vai representar o longa “A vida privada dos hipopótamos”, que dirigiu com Matias Mariani, na Competição Docuthriller.

Outro evento que contará com uma expressiva participação brasileira é o Festival de Cinema de Mar del Plata, de 30 de outubro a 7 de novembro, na Argentina. O Programa da ANCINE está ajudando a viabilizar a participação de dois representantes brasileiros na Competição de Curtas-Metragens Latinoamericanos: “Say I am only seventeen”, de André Catoto Dias; e “Tereza”, de Maurício Baggio. Também compete na mesma categoria o filme “Haram”, de Max Gaggino. A programação do festival argentino conta ainda com a exibição de vários títulos brasileiros, de curta e de longa metragem, em mostras não competitivas, como “Para minha amada morta”, de Aly Muritiba, no Panorama do Cinema Latinoamericano; e “O corpo”, de Lucas Cassales, e “Que horas ela volta?”, de Anna Muylaert, na mostra Gramado Apresenta, que exibe filmes da programação do festival gaúcho.

O documentário “Nise – O coração da loucura”, de Roberto Berliner, recém premiado no Festival do Rio, está na seção competitiva do 28º Festival Internacional de Cinema de Tóquio, no Japão. Com a ajuda do Programa de Apoio à Participação de Filmes Brasileiros em Festivais Internacionais e de Projetos de Obras Audiovisuais Brasileiras em Laboratórios e Workshops Internacionais da ANCINE, o produtor Vitor Leite vai representar o longa no festival, que acontece de 22 a 31 de outubro na capital japonesa.

Por último, mas não menos importante, o produtor Cláudio Cao Quintas contará com o apoio do Programa para representar o projeto de documentário “Filhos de Fidel”, da Latina Studio, nas atividades da terceira etapa do Eave Producers Workshop, que acontece de 19 a 26 de outubro, na cidade francesa de Estrasburgo.

Saiba mais sobre o funcionamento do Programa

O Programa de Apoio à Participação de Filmes Brasileiros em Festivais Internacionais e de Projetos de Obras Audiovisuais Brasileiras em Laboratórios e Workshops Internacionais conta com três categorias de auxílio, dependendo da classificação de cada evento: apoio A – confecção de cópia legendada, envio de cópia e apoio financeiro; B – envio de cópia e apoio financeiro; C – envio de cópia. As regras para a concessão do apoio estão dispostas no regulamento do programa. Mais informações podem ser conseguidas pelo e-mail programa.apoio@ancine.gov.br.

Fonte:  ANCINE