“Eu não tinha voz alguma quando comecei. Os professores me disseram que eu era muito nova ainda, que minha família ia gastar dinheiro à toa. Mas eu insisti, chorei muito, garanti que não me importava com bailes, namorados, festas. E comecei a cantar.”  Bidu Sayão

Theatro Municipal do Rio de Janeiro anuncia audição para vagas na Academia Bidu Sayão, voltada ao desenvolvimento de jovens cantores.

O Theatro Municipal do Rio de Janeiro anunciou ontem a criação da Academia de Ópera Bidu Sayão. Ligada à Diretoria Artística do Theatro Municipal, a Academia tem por objetivo o desenvolvimento artístico e musical de jovens cantores líricos brasileiros, abordando os aspectos teóricos e práticos do trabalho profissional em ópera.

A Academia de Ópera receberá até 16 (dezesseis) cantores, entre 18 (dezoito) e 35 (trinta e cinco) anos, para um período de residência de um ano com possibilidade de renovação por igual período, para estudos vocais, cênicos e musicais, sob a coordenação do tenor Eduardo Alvares.

Os selecionados terão acesso aos ensaios e concertos das produções da temporada 2016 do Theatro Municipal e participarão de aulas e palestras com os artistas da casa e convidados.

Os alunos selecionados não receberão bolsas ou ajuda de custo, mas serão remunerados através de um cachê artístico, caso venham a ser selecionados para alguma participação como solistas em óperas e concertos.

Como se inscrever

As inscrições poderão ser feitas de 23 de novembro a 11 de dezembro de 2015, através do e-mail academiadeopera.tmrj@gmail.com. O candidato deverá enviar, anexado ao e-mail, a ficha de inscrição (formato PDF), currículo em uma lauda (formato PDF) e cópia digitalizada do documento de identidade (formato JPG ou PDF).

No mesmo e-mail deverá encaminhar links para dois vídeos postados na internet (You Tube ou Vimeo) com árias de livre escolha cantadas em duas línguas distintas, sendo uma delas obrigatoriamente em italiano e a segunda em alemão ou em francês, interpretadas ao piano ou em apresentações ao vivo com piano ou com orquestra. Após a pré-seleção os candidatos aprovados na primeira etapa serão informados por e-mail da audição para a segunda etapa.

Ao efetivar sua inscrição o candidato manifestará sua concordância com as normas do processo de seleção, sem que possa alegar desconhecimento das mesmas.

Ao final de cada semestre de estudos, os alunos serão avaliados e poderão ter sua residência artística renovada ou não.

Para a ficha de inscrição, clique aqui.

A cantora lírica Bidu Sayão (1906-1999) conquistou o mundo da ópera sendo apelidada no exterior como “rouxinol brasileiro”. Nasceu em um sobrado na praça Tiradentes, no centro do Rio de Janeiro.  Iniciou seus estudos de canto aos 18 anos, estreou no Theatro Municipal do Rio, seguiu carreira internacional.  Bidu Sayão se tornou um dos grandes nomes da ópera do século XX. Seu prestígio pode ser observado no hall do Metropolitan Opera de Nova York, que ostenta um imenso quadro em sua homenagem.